🥇 Como acabar com o mau hálito 🤔

Você percebe que as pessoas se afastam de você quando você fala com elas? Constantemente você percebe que alguém vira o rosto para não te ouvir falar de tão perto?

Você pode estar sofrendo com mau hálito. E isso é algo muito sério e que precisamos falar sobre.

O mau hálito pode não ser falta de higienização bucal. A maior parte dos casos de mau hálito apenas acontecem por conta de secura na boca que, que não tem a irrigação natural adequada, o que aumenta a produção de bactérias e causa um cheiro terrível.

Entretanto, se você está passando por essa situação constrangedora saiba de uma coisa: ninguém vai vir te falar porque as pessoas se sentem envergonhadas disso.

Portanto neste artigo você descobrirá quais são as causas e o que fazer para se livrar de uma vez por todas do mau hálito! Vamos lá? Está pronto?

Como saber se tenho mau hálito?

Primeiramente, se você acha que pode estar sofrendo de mau hálito, será necessário perguntar para uma pessoa de confiança.

Não tem outro jeito: você vai ter que confiar nela e ela vai ter que ser sincera com você a ponto de te dizer se está sentindo um cheiro ruim vindo de sua boca.

Entretanto o mais importante é você procurar um dentista. Apenas ele poderá analisar a sua situação e te indicar um tratamento adequado para o seu caso.

O dentista é especificamente treinado para avaliar os problemas relacionados ao seu hálito e ele poderá te dizer se existe alguma causa fisiológica como deficiências renais, ou hepáticas ou até mesmo diabetes.

Quando uma pessoa está sofrendo de diabetes elas podem até eliminar um cheiro pelas vias pulmonares. Nesses casos o dentista é hábil em orientar alguns exames específicos e encaminhar o paciente para outros especialistas.

Entretanto, para uma análise profunda e precisa, será necessário fazer um exame detalhado sobre cada parte que da sua boca, como língua e dentes. Isso poderá dizer se existem resíduos, placas bacterianas ou até bactérias acumuladas que causam mau odor.

Quais são as Causas e tipos de Mau Hálito?

Primeiramente: existem diversos fatores que podem levar uma pessoa a desenvolver mau hálito (também conhecido como halitose) entretanto, a maior parte dos casos está relacionada a língua.

A língua é tecnicamente um órgão muscular de que fica dentro da boca totalmente coberto por papilas gustativas.

Entretanto, as papilas por sua vez são terminações nervosas que, quando estimuladas, comunicam o cérebro com as informações sobre o gosto das coisas.

Na parte de cima da língua é onde ficam as papilas, e elas possuem pequenas aberturas nas suas formas. Dentro delas ficam acumulados alguns alimentos e também restos de células mortas e que caem naturalmente.

Portanto os resíduos que ficam acumulados na língua acabam se tornando alimento para bactérias e elas fermentam formando o enxofre. E é exatamente isso que causa o mau hálito!

O mau hálito, também, pode ser causado por fatores externos como:

  • Má higiene;
  • Doenças bucais como a gengivite e periodontite;
  • Próteses dentárias;
  • Amígdalas;
  • Infecções no sistema respiratório;
  • Boca seca;
  • Diabetes;
  • Doenças renais;
  • Estresse;
  • Dietas restritivas;
  • Mudanças hormonais;
  • Distúrbios pulmonares;
  • Distúrbios gastrintestinais.

A placa bacteriana, é  conhecida por se juntar naturalmente na boca e gerar o hálito bem forte e fedido. Por isso precisamos dar uma atenção especial a ela e removê-la todos os dias com a escovação e uso do fio dental.

A boca seca é também um grande problema, pois é a saliva que remove as partículas e resíduos da região e se isso não acontece, eles continuam fazendo festa ali.

Contudo, isso pode ser causado pelo consumo de alguns remédios, cigarro e até dormir com a boca aberta.

Qual a ligação do estômago com mau hálito?

Como você pode observar o mau hálito pode ter diversas origens.

Entretanto, você sabia que o mau hálito pode estar relacionado a problemas no estômago? Cerca de metade da população brasileira sofre de mau hálito por conta de variados fatores como alimentares, bebidas e cigarros.

Apenas dez por cento deles são por conta de de outros problemas de saúde coma diabetes, problemas renais ou até de fígado.

Contudo, o número de pessoas que sofre de mau hálito por conta apenas de problemas no estômago é muito menor. Entretanto certamente isso é uma grande preocupação para maior parte da população afetada.

Quais são os tipos de mau hálito?

Ok, talvez você não saiba que existam diferentes tipos de mau hálito. Entretanto, os diferentes tipos de odores estão relacionados às suas origens.

Veja os 5 principais tipos de odores mau cheirosos que estão afetando o perfume da sua boca:

Mau hálito frutado: quando este tipo de cheiro surge na boca, ele pode estar indicando um inicio de diabetes. O cheiro surge, por causa do açúcar que tem no nosso sangue sobe e as células de açúcar começam a queimar gordura para conseguir energia e leva ao mau cheiro.

Mau hálito de naftalina: geralmente ocorre por conta de alergias, por conta de congestionamento nasal ou até por sinusite.

Essas inflamações fazem que as bactérias da boca transformem as proteínas do muco em escatol que que fede mesmo, cheira forte e de longe.

Mau hálito de fralda suja:  daqui para frente é importante é importante dizer que os tipos ficam piores e precisam de mais atenção. Este tipo pode indicar que há uma amigdalite.

Que é causada causada por bactérias e detritos que podem ficar presos nas amígdalas, formando uma placa de cheiro forte.

Mau hálito de leite azedo: É uma indicação de possível intolerância à lactose, de que o seu corpo não está processando corretamente as proteínas lácteas.

Procure logo um médico, se o cheiro ruim estiver junto de sintomas como diarreia, cólicas e gases.

Mau hálito de cheiro podre: Deve-se ficar muito atento se sua boca estiver causando esse tipo de odor. Pode ser um sinal de algo grave, como infecções ou doenças pulmonares.

Esse cheiro é pior do que de uma halitose comum e, nesse caso, é preciso ir a um dentista para realizar de exames.

Portanto fique sempre atento aos odores que o seu hálito revela! Eles definem como está a sua saúde.

Existe prevenção contra mau hálito?

Claro que sim! Você pode se ajudar muito se cuidar com algumas coisas simples do seu dia a a dia. Vamos lá:

  1. O básico: escova de dente e fio dental;
  2. Limpeza da língua e das amígdalas;
  3. Beber bastante água;
  4. Não utilize só as pastilhas;
  5.  Hábitos alimentares;
  6. Deixe de fumar;
  7.  Visitar o dentista;

Lembre-se que grandes resultados são obtidos com pequenas mudanças. Portanto comece hoje mesmo a cuidar melhor do seu hálito.

Como acabar com o mau hálito?

Existem vários tratamentos para isso. E eles podem variar até de dieta balanceada ao uso de laserterapia e eletroterapia, que renovam as glândulas salivares.

Entretanto, o primeiro passo é sempre o diagnóstico: da onde o mau hálito está vindo? O que há por trás deste cheiro? A recomendação final vem sempre do dentista e considerando o seu histórico de saúde.

Portanto, antes de qualquer exame, ou tratamento é de suma importância checar: hálito  saliva, enxofre na respiração,  presença de ronco e apneia.

E se você decidir fazer isso em casa, aqui vão algumas dicas:

Para voltar ao menu inicial, clique aqui.

Leave a Reply