Categoria: Chás

🥇 Menopausa: Conheça AQUI remédios naturais! 🤔

Olá meninas! Hoje trouxe um assunto muito importante para todas nós, mulheres: a menopausa. Quem ainda não está passando por esse período, também precisa se informar, para que possa levar tudo com tranquilidade e sem desconfortos.

Portanto, se você está na menopausa ou então deseja saber mais sobre ela, este artigo é para você!

A menopausa é um período bastante complicado para as mulheres. Durante essa fase, ocorrem severas transformações, tanto no corpo quanto na mente da mulher. Nesse período, elas têm que lidar com o fato de que já não podem mais gerar filhos e, pior ainda, estão começando a perder aquele viço e juventude de outrora.

No período em que a menopausa acontece, as alterações hormonais deixam o corpo feminino praticamente descontrolado. São calores que surgem sem mais nem menos, sem nem um sinal de alerta.

Isso sem falar nas mudanças de humor, que tornam tudo ainda mais difícil. Aliás, é tão complicado pra elas como é para as pessoas mais próximas, como maridos, filhos e familiares.

Para aliviar esses incômodos, a  maior parte das mulheres acaba optando por remédios sintéticos, aqueles tradicionais. O problema é que esses medicamentos trazem efeitos colaterais tão intensos que acabam até mesmo piorando a situação.

No entanto, você sabia que existem alternativas naturais capazes de aliviar os sintomas da menopausa sem causar efeitos colaterais e ainda aumentar a qualidade de vida das mulheres e dos seus familiares? Basta continuar lendo este artigo até o final para saber tudo! Vamos lá?

Max Amora

O Max Amora é um incrível suplemento natural feito à base de amora, isoflavona e cimicífuga. Esses compostos são capazes de regular os hormônios, que costumam se desregular nessa fase da vida.

Ao equilibrar os níveis hormonais, o Max Amora ajuda a reduzir todos os sintomas desencadeados com a chegada da menopausa. O melhor de tudo é que não causar nenhum efeito colateral, visto que todos os seus componentes são de origem natural.

Suco de maracujá com couve e lecitina para menopausa

O forte potencial calmante do maracujá aliado aos fito-hormônios presentes na soja ajudam a prevenir os suores noturnos. Afinal, esse é um dos pontos mais críticos de desgaste e má qualidade de sono durante a menopausa.

Para preparar esse suco, você vai precisar dos seguintes ingredientes: polpa de um maracujá, uma folha de couve, meia colher de lecitina de soja, duas colheres de mel e três copos de água.

Basta inserir todos os ingredientes no liquidificador, bater bem até que o suco fique homogêneo. Coloque em um copo e beba. Para aliviar os sintomas de forma eficaz, o ideal é tomar esse suco até três vezes por dia.

Chá de verbena para menopausa

Durante a menopausa, certas mulheres sentem, além das alterações no humor, desânimo e até mesmo depressão. Com o chá de verbena, esses episódios diminuem. Além disso, também facilita a digestão, visto que a verbena ajuda a regular o funcionamento do intestino.

Para preparar o chá de verbena, é só ferver um livro de água e desligar o fogo. Em seguida, colocar 50 gramas de verbena no recipiente com a água e deixar o chá em infusão por dez minutos. Coar em seguida, adoçar e beber o chá de verbena três vezes ao dia.

Confira o vídeo que separei para você sobre o assunto:

Óleo essencial de sálvia para menopausa

A sálvia é uma erva incrível, mas desconhecida em se tratando do combate aos sintomas da menopausa. Ela tem propriedades estrogênicas, especialmente quando consumida em formato de óleo. Esse produto, bastante concentrado, ajuda no equilíbrio dos hormônios e também na redução das ondas de calor.

Para que você possa aproveitar todos os benefícios do óleo essencial de sálvia, a melhor opção é a inalação. Basta ferver 200 ml de água, pingar 10 gotas de óleo essencial e inalar a infusão por 15 minutos.

Se você preferir, pode também diluir o óleo de sálvia no seu óleo de massagem corporal e espalhar essa mistura pelo corpo uma vez ao dia. Além disso, você também pode aplicar o produto somente na região do abdômen.

Chá de trevo vermelho para menopausa

O trevo vermelho também é um produto natural desconhecido. Ele contém substâncias estrogênicas naturais, que ajudam no equilíbrio natural dos hormônios femininos durante a menopausa.

O trevo vermelho também é rico em isoflavona. Ele é capaz de aliviar todos os sintomas percebidos pelas mulheres durante a menopausa.

Para preparar o chá de trevo vermelho, basta colocar três xícaras de água no fogo e, antes que ela entre em ebulição, retirá-la do fogo, adicionando duas colheres de trevo vermelho. Tampe o recipiente e deixe a mistura em infusão por cerca de dez minutos. Em seguida, adoce e tome o chá três vezes ao dia.

Leite de soja orgânica para menopausa

Além de possuir poucas calorias, o que ajuda a equilibrar o peso nessa fase da vida, o leite de soja orgânico também é uma ótima alternativa natural para quem necessita obter isoflavona. Esse componente ajuda no equilíbrio dos hormônios e na diminuição dos sintomas típicos da menopausa.

Para aproveitar todos esses benefícios, é ideal tomar duas xícaras de leite de soja todos os dias.

Sopa de missô para menopausa

Sabia que a culinária japonesa é uma forma incrível de controlar os sintomas da menopausa de forma natural? Um produto incrível para ajudar é o  missoshiro.

Essa tradicional sopa japonesa é feita de missô e soja, componentes extremamente ricos em estrogênio. Ela é ideal para equilibrar os hormônios e diminuir os sintomas vivenciados nessa fase da vida.

Encontrar a sopa de missô é super fácil. Basta ir até casas de produtos importados do Japão ou então nos grandes supermercados. Nesses lugares é possível adquirir ainda sopas já prontas.

Basta apenas acrescentar água quente e esperar alguns minutos para tomar. Além de ser ótima para aliviar a menopausa, a sopa de missô é extremamente saborosa e muito nutritiva.

Chá de ginseng feminino para menopausa

O ginseng feminino tem propriedades anti-inflamatórias e analgésica. Além disso, ele é excelente para diminuir as dores e o desconforto durante a menopausa. Para que você possa aproveitar todo o poder dessa erva, basta consumi-la em formato de chá.

Para preparar essa bebida, é só colocar uma xícara de água fervente sobre 10 gramas de raiz de ginseng feminino e então deixar a bebida repousar por cerca de 30 minutos. Depois disso, coe e beba duas vezes ao dia.

Chá de Damiana para menopausa

A Damiana é uma erva maravilhosa para quem deseja um alívio para os sintomas da menopausa. Especialmente quando a secura vaginal e a falta de desejo sexual surgem e prejudicam a vida a dois.

Para que você possa aproveitar todas essas qualidades, você deve preparar um chá da planta da seguinte forma: acrescente 10 a 15 gramas de folha de Damiana em um litro de água fervente. Depois de alguns minutos, coe e beba uma xícara por dia.

Confira o vídeo a seguir, relacionado a esse tema, para aprender ainda mais:

Para mais conteúdo, clique aqui.

🥇 Amora: Conheça AQUI todos os seus Incríveis Benefícios! 🤔

Olá meninas! Hoje vou falar de uma das frutas preferidas de muitas pessoas e que tem benefícios maravilhosos: a amora! Devido à sua combinação agridoce e também ao seu formato, a amora vem sendo cada vez mais consumida. Isso não se deve apenas ao seu sabor, mas principalmente pelos benefícios que traz à saúde.

Ela é rica em fibras, fitonutrientes (resveratrol), flavonoides, ferro, magnésio, potássio, vitaminas do complexo A, B, C e zinco. Além disso, possui até 79% mais antioxidantes do que as demais frutas vermelhas. É a fruta ideal para quem busca levar uma vida com mais saúde.

Aliás, existem alguns estudos recentes que apontam que a amora não é somente benéfica para a saúde. Ela também é bastante útil nos tratamentos estéticos. Um exemplo disso são os suplementos à base de amora, que são usados para a melhora do organismo como um todo.

Se você deseja conhecer todos os benefícios que a amora pode oferecer à sua saúde, é só ler esse artigo até o final. Tenho certeza que vai ser super útil!

Quais os benefícios da amora?

A Amora é uma fruta que, apesar de pequena, é extremamente poderosa. Essa é a melhor definição para a amora, considerando todos os seus benefícios. Você duvida? Leia abaixo as maravilhas que essa frutinha maravilhosa pode fazer pela sua saúde.

Controle da pressão sanguínea

A amora é rica em resveratrol, um antioxidante flavonoide que ajuda a regular a vasoconstrição das veias. Além disso, ela ajuda no controle da pressão arterial. Isso se deve à ação conjunta do hormônio angiotensina, que causa a elevação da pressão nos vasos sanguíneos.

Além disso, a amora também contém potássio, magnésio e manganês. Esses minerais contribuem para o bom funcionamento da circulação sanguínea.

Prevenção de infartos e AVC

As propriedades que garantem o bom funcionamento do sistema cardiovascular tornam possível, também, a prevenção de certas complicações como ataques cardíacos e AVCs. Aliás, isso ocorre porque a amora reduz a pressão sanguínea, que é um dos causadores dessas doenças.

Reforço do sistema imunológico

Inegavelmente rica em vitamina C, pois cada amora contém 36,4 mg da vitamina por 100 mg. A amora ajuda  também no fortalecimento do sistema imunológico. Isso se deve à sua ação antioxidante, que previne a ação dos radicais livres.

Ajuda a visão

Igualmente rica em um antioxidante carotenoide, o zhea-xanthin, a amora atua protegendo a retina da ação dos radicais livres. Dentre os poderes desse componente da amora, destaca-se a prevenção da catarata e de outras doenças oculares.

Combate da anemia

A amora é uma poderosa aliada no combate à anemia, graças à alta concentração de ferro. Cada amora contém, em média, 1.85 mg/100 mg. Além de evitar a anemia, o ferro ajuda também na circulação sanguínea, pois é o responsável pela oxigenação do sangue.

Confira o vídeo que separei para você sobre o assunto:

Fortalecimento dos ossos

Surpreendentemente, a amora contém, também, vitamina K e cálcio. Estes elementos são essenciais na regeneração do tecido ósseo e no fortalecimento dessas estruturas. Por isso, a amora é imprescindível para prevenir o aparecimento da osteoporose e também para diminuir o desgaste natural dos ossos, que é provocado pelo envelhecimento.

Promoção da perda de peso

Já que contém poucas calorias e é rica em vitaminas que aceleram o metabolismo dos carboidratos, proteínas e gorduras, a amora é super indicada para quem procura uma alternativa natural de perder peso.

Além de consumir a fruta in natura, os chás preparados com as suas folhas podem ajudar bastante nesse quesito. Além disso ainda promovem um melhor funcionamento do intestino.

Prevenção do envelhecimento precoce

Uma vez que é rica em antioxidantes como as vitaminas A e E, a amora é ótima para combater o envelhecimento precoce. Isso se deve às suas propriedades antioxidantes, que são capazes de neutralizar a ação dos radicais livres.

Além disso, a amora ajuda também a proteger contra o surgimento de doenças como o câncer, enfermidades neurológicas, inflamações e infecções bacterianas.

Prevenção da diabetes

Outra propriedade incrível da amora, mas que poucas pessoas conhecem, é sua capacidade de fazer o controle do nível de açúcar no sangue.  Com isso, ela reduz as chances de que uma pessoa se torne diabética.

Fortalecimento dos cabelos

As vitaminas e minerais que estão presentes na amora também fortalecem e hidratam os cabelos, deixando-os mais fortes, bonitos e brilhantes. Além disso, a fruta ajuda também no crescimento dos fios, prevenindo a queda.

Ajuda na digestão

Por ser rica em fibras, a amora ajuda na digestão, evitando a prisão de ventre, graças ao bom trânsito intestinal.

Max Amora para amenizar os sintomas da menopausa

Além de todos os benefícios que eu frisei acima, a amora também é excelente no combate aos sintomas da menopausa. Especialmente aqueles que causam mais desconfortos, como os calores, os suores excessivos e a perda da libido.

Para ajudar as mulheres a passarem por essa fase, especialmente as que não tem o hábito de comer amoras, foi desenvolvido o Max Amora. Ele é um suplemento alimentar criado especialmente para as mulheres que estão passando pela menopausa.

O uso diário do Max Amora ajuda, por exemplo, a aumentar a qualidade do sono, diminuir a ansiedade e a irritação. Além disso, alivia os calores que provocam tanto incômodo. O Max Amora ajuda também a tratar a artrite, a osteoporose e o reumatismo.

Para que você possa experimentar todos esses benefícios, é importante tomar uma cápsula desse suplemento 30 minutos antes do almoço e outra 30 minutos antes do jantar, diariamente.

Chá de folhas de amora

Outro meio de experimentar os benefícios que a amora traz para as mulheres que estão passando pela menopausa é o chá de amora. O consumo dessa bebida ajuda, também, a controlar os níveis de colesterol, melhorar a qualidade do sono e prevenir a queda de cabelos.

Para fazer o chá de folhas de amora, basta colocar um litro de água para ferver em uma panela. Depois de fervida, coloque essa água em um recipiente com tampa e acrescente uma colher de sopa de folhas de amora secas. Deixe a bebida em infusão por 20 minutos. Coe quando estiver morno e beba sem adoçar.

A dosagem diária da bebida indicada é de três xícaras ao dia.

Chá de folhas de amora para emagrecer

O chá de folhas de amora pode ser usado também para ajudar no emagrecimento, pois ele possui poucas calorias. Para isso, você pode seguir a seguinte receita.

Em uma panela, ferva uma xícara de água com uma colher (chá) de folhas secas de amora e uma colher (chá) de folhas secas de chá verde (ele ajuda a acelerar o metabolismo). Deixe a bebida repousar por 10 minutos e tome uma xícara da bebida antes das principais refeições, por duas ou três semanas.

Confira o vídeo a seguir, relacionado a esse tema, para aprender ainda mais:

Para mais conteúdo, clique aqui.

🥇 Chá branco – Saiba todos os seus benefícios! 🤔

O chá branco é extraído de uma planta chamada Camellia Sinesis, a mesma planta que origina o chá verde e o chá preto. Para conseguir obter o chá branco é necessário utilizar as folhas novas, colhidas antes de surgirem as flores.

Primeiramente, ele possui grande poder antioxidante, porque apresenta grandes quantidades de catequinas e pouca quantidade de cafeína. Além disso, o chá branco também ajuda na prevenção do câncer, doenças cerebrais degenerativas, emagrecimento, doenças cardiovasculares, apresenta ação anti-inflamatória, entre outros benefícios.

Sendo assim, além de você aproveitar um chá com sabor delicioso, você ainda cuida da sua saúde!

Chá preto, chá verde e chá branco

A diferença entre os chás branco, verde e preto está, sobretudo, no período da colheita e na forma de Modo de Preparo.

Chá preto

Ele surge das folhas mais velhas da Camellia sinesis, que sofre fermentação por um tempo maior do que as folhas do chá verde. Ele tem bastante cafeína e seu poder antioxidante é o menor dentre os 3 chás.

Chá verde

É extraído das folhas mais velhas do que as do chá branco, porém sem ter passado por um tempo de fermentação tão grande.  Portanto, a ação antioxidante é menor do que o branco, mas maior que a do chá preto, com grande quantidade de cafeína.

Chá branco

Ele é obtido das folhas mais novas e dos brotos colhidos antes das flores abrirem. Aliás, os brotos e folhas possuem uma cor levemente prateada e não sofrem processo de fermentação. Portanto, justamente por não ser obtido de fermentação, a ação antioxidante se torna mais forte. Dessa forma, as folhas e brotos são vaporizados de forma parcial e são secas ao ar livre à luz natural.

Primeiramente, se compararmos o chá verde com o chá branco, o número de catequinas do branco é maior. Isso é importante na prevenção de diversas doenças, mas o baixo teor de cafeína acaba diminuindo o seu poder emagrecedor.

O chá branco, aliás,  possui mais oxidantes que o chá preto, que tem a maior quantidade de cafeína dentre os 3, porém com menos benefícios.

Ainda que tenha pouca quantidade de cafeína, o consumo do chá branco não é indicado a pessoas que apresentam sensibilidade à cafeína, pois, ainda, estarão assim sujeitas aos efeitos colaterais.

Motivos para tomar o chá branco:

  • Ajuda a prevenir o câncer e as mudanças genéticas, devido ao seu poder antioxidante;
  • As catequinas diminuem os processos inflamatórios, principalmente os da cartilagem. Além disso, reduzem a velocidade de desgaste das articulações;
  • Ajuda a baixar o nível do colesterol ruim, diminuindo o risco de doenças cardiovasculares;
  • Traz bem-estar e relaxamento, agindo no cérebro e favorecendo o aumento a quantidade de ácido GABA, dopamina e serotonina;
  • Previne as doenças degenerativas devido à sua forte ação antioxidante;
  • Diminui a oxidação da retina e previne as doenças da retina;
  • Acelera o metabolismo;
  • Combate a retenção de líquidos;
  • Evita o envelhecimento precoce;
  • Previne a aterosclerose, limpando o colesterol da corrente sanguínea e relaxando os vasos sanguíneos, além de reduzir a pressão arterial;
  • Combate vírus e bactérias no corpo;
  • Age como antigripal e anti-inflamatório;
  • Combate os radicais livres;
  • Desincha e desintoxica;
  • Previne a formação de placas e de cáries nos dentes.

Confira o vídeo que separei para você sobre o assunto:

Chá branco emagrece?

O chá branco auxilia inegavelmente na perda de peso, mas essa perda não é tão grande comparando com o chá verde, pois o que ajuda a emagrecer é a cafeína, que não está presente em grandes quantidades nessa bebida.

No entanto, é possível sim emagrecer com o chá branco. Contudo, as pessoas que precisam emagrecer bastante, devem escolher um outro chá. Aliás, ele é muito benéfico para a prevenção de inúmeras doenças e também para melhorar o funcionamento do corpo.

Aumento do metabolismo

Para emagrecer, é indicado o consumo de 2 a 3 xícaras do chá por dia sem açúcar nem adoçante. O chá precisa ser tomado 1 hora antes ou então 1 hora depois das refeições, para que não diminua a quantidade de nutrientes absorvidos durante a alimentação.

Onde encontrar o chá branco?

Ele pode ser comprado em forma natural ou em cápsulas, e está disponível em mercados e farmácias de manipulação. Pode ser encontrado também em casas de produtos naturais, vendido a granel.

Como preparar o chá branco

Ingredientes: 300 ml de água, 3 g de folhas secas de chá branco

Modo de Preparo: Coloque a água em uma chaleira ou panela para ferver. Quando entrar em estado de ebulição, desligue o fogo e coloque o chá branco na água quente. Tampe e deixe descansar por 5 minutos. Depois, é só coar e tomar.

O chá pode ser tomado quente ou frio até 24 horas após o seu preparo.

Se preferir adoçar, utilize 1 colher de chá de mel para 1 xícara.

Se quiser, também, pode colocar canela na água antes de ferver.

Receitas com chá branco

Ele pode ser usado em receitas como sucos, vitaminas e gelatinas.

Chá branco com suco de Abacaxi para aumentar o metabolismo

Ingredientes: 200 ml de chá branco, ½ limão, 2 rodelas de abacaxi, 1 colher de raspas de gengibre.

Modo de Preparo: Misture todos os ingredientes no liquidificador, bata, coe e tome.

Gelatina de chá branco para aumentar o metabolismo

Ingredientes: 600 ml de água, 400 ml de chá branco, 2 caixas de gelatina de limão.

Modo de Preparo: Misture a água e o chá e dilua a gelatina. Depois é só levar a geladeira.

O chá branco pode ser comprado de forma natural ou então com sabor de limão e pêssego.

Chá branco com uvas

Ingredientes: 100 ml de chá branco, 8 uvas.

Modo de Preparo: Em um copo, amasse as uvas e coloque o chá por cima.

Use gelo se quiser.

Chá branco com frutas

Ingredientes: 1 l de chá branco, frutas de sua preferência picadas.

Modo de Preparo: Coloque tudo em uma jarra, misture e beba.

Chá branco com lichia

Ingredientes: lichia, água, chá branco em pó.

Modo de Preparo: Bata a água e a lichia no liquidificador adicionando 1 colher (chá) de chá branco.

Chá branco com hibisco

Ingredientes: 300 ml de água, folhas de chá branco, folhas de hibisco

Modo de Preparo: Coloque a água para ferver, desligue o fogo antes das primeiras bolhas aparecerem e coloque 1 colher com as folhas do chá branco e também 1 colher de folhas de hibisco. Depois coe e tome.

Contraindicações

O chá branco não deve ser tomado por grávidas e lactantes. Pessoas que apresentam hipertensão, úlceras gástricas, insônia e batimentos cardíacos irregulares podem tomar, mas com bastante cuidado.

Seu consumo excessivo também pode causar aumento da pressão, desordens gástricas, insônia, excitação do sistema nervoso, convulsões, delírios, cefaleia e taquicardia.

Confira o vídeo a seguir, relacionado a esse tema, para aprender ainda mais:

Para mais conteúdo, clique aqui.

You cannot copy content of this page